O viaduto Bratislava, em Cambé, importante obra de infraestrutura e logística urbana para toda a região, entrará em funcionamento nesta terça-feira (28). O govenador Carlos Massa Ratinho Junior fará a liberação do tráfego da pista principal. O investimento do Governo do Estado para a construção do viaduto foi de R$ 13,5 milhões. A obra, localizada no km 163 da BR-369, na interseção da Avenida Brasil com a estrada Bratislava, vai eliminar o gargalo viário, onde congestionamentos e acidentes são comuns, e garantir mais segurança para os moradores. No trecho passam 26 mil veículos por dia, sendo 6 mil veículos pesados.

Comissão de Infraestrutura

A Comissão de Desenvolvimento e Infraestrutura de Londrina e região reúne representantes de vários segmentos da sociedade para discutir, acompanhar, cobrar prazos e acelerar obras e projetos de interesse da região.  A obra, que desde 2017, ano de criação do grupo, estava na lista de prioridades da Comissão, era considerada necessária para tornar a ligação entre moradores de vários municípios em um trajeto seguro para milhares de motoristas, a via é também é rota principal entre Londrina e Maringá.

O deputado Tiago Amaral, um dos criadores da Comissão, comemora a conquista.  “É um marco para toda a região, muitas vidas serão poupadas em um local em que o número de acidentes era muito grande”, celebra o deputado. “O viaduto é a maior obra pública dos últimos anos em nossa cidade”, comemora o prefeito de Cambé, Conrado Scheller.

Cronologia da Obra

A construção do Viaduto Bratislava encabeça a lista de prioridades da Comissão de Infraestrutura desde a criação do grupo, em 2017. No ano seguinte, a Comissão iniciou junto com a Prefeitura de Cambé um trabalho de articulação para conseguir recursos do Governo do Estado e realizar a obra. Em 2020, o projeto e a obra foram licitados juntos para agilizar todo o processo, logo a obra foi autorizada. Em 2021, os trabalhos começaram e, agora, em 2022 a obra estará concluída trazendo benefícios incontáveis a quem mora e quem passa pela região. O viaduto está com 85% de execução e no segundo semestre estará pronto.

ALEP              Créditos:Jonathan Campos/AEN