Para incentivar a contratação de jovens para o mercado de trabalho, proporcionar formação técnica e profissional, além de uma remuneração mensal, a Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho apresenta o programa Cartão Futuro.

Podem participar do programa os jovens que já concluíram o ensino médio ou estão matriculados e frequentando regularmente o ensino fundamental, médio ou cursos de educação de jovens e adultos. Também deve estar cadastrado nas unidades do Sistema Público de Emprego, Trabalho e Renda (Sine-PR) ou na Agência do Trabalhador.

O programa Cartão Futuro é divido em duas etapas: Cartão Futuro Emergencial e Cartão Futuro Novas Contratações. Confira detalhes sobre ambas:

Futuro Emergencial

O Programa Cartão Futuro Emergencial autoriza o pagamento da subvenção econômica nos contratos de aprendizagem em caráter emergencial para minimizar os efeitos da situação de calamidade pública no Estado do Paraná para jovens entre 14 a 21 anos, onde os contratos de aprendizagem deverão ser mantidos pelo prazo mínimo de sessenta dias após o pagamento da última parcela da subvenção, que será no valor de R$ 300,00 (trezentos reais) por aprendiz incluído no programa pelo período de 90 dias.

Todo o processo de validação dos contratos será feito por meio da Agência do Trabalhador de maneira digital, via site. Mais informações sobre esta etapa podem ser obtidas em: https://www.cartaofuturo.pr.gov.br/pages/cadastro/emergencial.php.

Novas Contratações

O Programa Cartão Futuro (2ª etapa) visa fomentar a inserção no mercado de trabalho de jovens aprendizes, priorizando os que estejam em situação de maior vulnerabilidade, proporcionando formação técnica, profissional e uma remuneração mensal, atendendo jovens entre 14 a 21 anos em situação de desemprego involuntário e em situação de vulnerabilidade social, para inclusão no mercado de trabalho na condição de Jovem Aprendiz.

Nesta etapa os jovens também devem atender cumulativamente alguns requisitos, como ser membro de família com renda mensal per capita de até meio salário mínimo, estar matriculados e frequentando regularmente estabelecimento de ensino fundamental ou médio, ou cursos de educação de jovens e adultos, ou ter concluído o Ensino Médio, estar cadastrado nas Unidades do Sistema Público de Emprego, Trabalho e Renda – Sine/Paraná, ser membro de família cadastrada no Cadastro Único (CAD Único), entre outros requisitos.

A inscrição para as vagas de aprendizagem deverá ser realizada através de intermediação da Agência do Trabalhador. O Pagamento da subvenção será no valor de R$ 300,00 e em caso de contratação de jovem aprendiz com deficiência, egresso de unidades prisionais, egresso do Sistema de Atendimento Socioeducativo ou que estejam cumprindo medidas socioeducativas, à subvenção será no valor de R$ 450,00.

Mais informações sobre a etapa de Novas Contratações podem ser obtidas em: https://www.cartaofuturo.pr.gov.br/pages/cadastro/novas-contratacoes.php.

Agência do Trabalhador

Mais informações sobre o programa Cartão Futuro também podem ser obtidas diretamente com a Agência do Trabalhador de Palmeira, localizada na Central de Atendimento aos Cidadão, rua Luiza Trombini Malucelli, 134, ou pelo telefone/Whatsapp (42) 3252-2584, ou e-mail contato@vagaspalmeira.com.