Com as obras de revitalização do calçadão da rua Conceição marcadas para começar na próxima quarta-feira (22), e com as obras de revitalização da praça Manoel Ribas, o Parquinho, já licitadas e com início em breve, no próximo dia 5 de maio a Prefeitura de Palmeira realiza licitação para as obras da Feira Livre, através da Secretaria de Agricultura e Pecuária. Segundo o edital de licitação, a Feira Livre será construída na Praça Domingos Theodorico de Freitas, a Praça do Cemitério, como é mais conhecida pela população.

As obras previstas são a colocação de estrutura metálica com cobertura, instalação de sanitários para uso do público em geral, readequação do piso existente, instalações elétricas, paisagismo e pintura. Para tanto, o valor máximo para execução do projeto, previsto no edital de licitação, é de R$ 779.249,00.

As empresas interessadas em executar as obras do projeto deve apresentar dois envelopes. Um deles contendo a proposta, conforme determinações do edital de licitação, e outro com a documentação para habilitação, com certidões negativas e outros documentos que atestem sua regularidade perante os órgãos públicos. Somente as empresas que estiverem habilitadas terão duas propostas abertas.

Comercialização

Com a Feira Livre, a Secretaria de Agricultura e Pecuária objetiva executar a política municipal da agricultura e abastecimento, estimulando a organização dos produtores rurais em cooperativas, associações de classe e demais formas associativas. No futuro espaço da Feira Livre, os agricultores do município poderão fazer a comercialização de seus produtos, em especial, frutas, verduras, cereais, legumes, derivados do leite, ovos e outros.

Hoje, no espaço de estacionamento de veículos na Praça do Cemitério é realizada todos os sábados pela manhã a Feira de Produtos Agroecológicos. Os feirantes devem continuar comercializando seus produtos na Feira Livre.

Food trucks

A futura Feira Verde também poderá servir para abrigar food trucks, veículos adaptados que servem lanches e bebidas, que hoje estão na praça Manoel Ribas, o Parquinho, com a vantagem de um espaço coberto para a colocação de mesas e cadeiras para os clientes. Outros tipos de uso poderão acontecer no espaço, com a redução do local que hoje serve de estacionamento para veículos,que contará com uma área ampla de calçadão para pedestres, na qual poderá haver a acomodação de mesas e cadeiras.