Ponta Grossa segue com destaque no Mapa do Turismo Brasileiro. A certificação, atualizada pelo Ministério do Turismo para o ano de 2023, reúne os municípios que comprovaram ter vocação efetiva para o turismo, e que fazem do setor ferramenta estratégica para a economia da cidade. As cidades são classificadas de ‘A’ a ‘E’. O Município permanece na categoria ‘B’.

“Essa conquista fortalece o potencial turístico de Ponta Grossa e reconhece todo o trabalho desenvolvido pela nossa gestão por meio da Secretaria de Turismo. Este é mais um avanço na estruturação do turismo, que vem conquistando o local de destaque, com nossas belezas naturais e atrativos turísticos conquistados pela nossa equipe”, comemora a prefeita, Elizabeth Schmidt.

Segundo o secretário de Turismo, Paulo Stachowiak, a alta avaliação do Município é reflexo dos esforços públicos e privados para o fortalecimento do turismo local. “A pontuação é obtida por meio da análise de estabelecimentos de hospedagem, geração de empregos, quantidade de visitantes domésticos e internacionais, entre outros fatores. Apenas 11 cidades do Paraná pertencem à categoria B, sendo Ponta Grossa a única dos Campos Gerais, o que aumenta a possibilidade de fomentos e investimentos na aérea para o município”, explica

Mapa do Turismo

O objetivo do Mapa de Turismo é nortear a definição de políticas públicas, abrangendo a destinação de recursos do Ministério do Turismo para obras de infraestrutura e oferta de cursos de qualificação profissional, por exemplo.

As categorizações levam em conta o desempenho da economia no turismo, a partir de cinco variáveis: total de estabelecimentos e empregos no setor de hospedagem, número de visitantes domésticos e internacionais e arrecadação de impostos federais a partir dos meios de hospedagem.

Passam a compor a região turística Campos Gerais do Paraná no Mapa do Turismo os municípios de Arapoti, Castro, Jaguariaíva, Ortigueira, Palmeira, Piraí do Sul, Ponta Grossa, Porto Amazonas, Sengés e Tibagi.

da assessoria