A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu em flagrante um homem, de 41 anos, por tortura e cárcere privado contra a esposa, em Toledo, na região Oeste do Estado. A informação foi divulgada nesta terça-feira (6). A mulher vinha sendo vítima do suspeito há um ano, mas conseguiu escapar da casa e procurar ajuda. Ela apresentava a cabeça raspada e o corpo repleto de hematomas e feridas feitas.

O indivíduo ainda tinha um caderno com regras que a mulher deveria obedecer, caso o contrário a castigava. Todas as agressões, físicas e psicológicas eram feitas em frente ao filho do casal, de 12 anos.

O homem foi preso em flagrante pela PCPR na quinta-feira (24). Em seguida, a prisão foi convertida em preventiva e ele também deve responder por lesão corporal e ameaça. O suspeito foi encaminhado à carceragem da Cadeia Pública de Toledo.

Da PCPR