Utilizando o Twitter, o prefeito de Londrina, Marcelo Belinati (PP), afirmou que o “Brasil está doente” ao comentar o episódio deste domingo (23) envolvendo a Polícia Federal e o ex-deputado Roberto Jefferson, que efetuou disparos e jogou granadas contra os oficiais quando estes cumpriam um mandado de prisão contra o parlamentar. Belinati ainda questionou o público que apoiam a ação de Jefferson. “No Twitter vejo pessoas defendendo o cara atirar de fuzil, jogar granada e tentar matar policiais federais. No WhatsApp também. E são os mesmos de sempre. Esse pessoal já existia? Ou piraram a cabeça só agora? Defender isso é loucura…”, publicou.

Ele completa apontando que “essas pessoas já existiam, antes ficavam quietas, mas agora ganharam voz e acham bonito e chique ser preconceituoso e escrever as barbaridades que escrevem em redes sociais…”. Em seguida o prefeito completa: “O pior de tudo é que nem taxados de loucos podem ser esse pessoal que defende o que o Roberto Jeferson fez. Eles se identificam com a violência, muitos são racistas, homofóbicos, misóginos, xenofóbicos e odeiam pessoas humildes e mais pobres. O Brasil tá doente. Muito doente…”

Confira abaixo os tweets: