“O vírus está por aí, está circulando. Nós temos o mapeamento de todos os pacientes diagnosticados com o novo coronavírus e dos casos suspeitos, mas existem aqueles que são apresentam sintomas da doença. Isso significa que muitas pessoas podem estar infectadas sem saber”, afirma o prefeito municipal Marcelo Rangel. A declaração foi dada na última segunda-feira (20), durante o programa que Rangel apresenta na Rádio Mundi FM.

Ele acrescenta que provavelmente Ponta Grossa possui mais pacientes com COVID-19 que não estão no relatório oficial. “São pessoas que fizeram o exame de sangue que detecta a presença do coronavírus nas células sanguíneas durante o período em que o paciente manifesta os sintomas”, explica se referindo ao exame realizado pelo Laborátorio Central do Estado (Lacen), em Curitiba, e demora cerca de quatro dias para ficar pronto.

Além disso, as pessoas que não apresentam sintomas acabam não procurando ajuda médica e, por isso mesmo, não entram nas estatísticas oficiais.

Novas confirmações de pacientes com coronavírus

De acordo com Rangel, Ponta Grossa deve receber 5 mil testes rápidos para a COVID-19 ainda nesta semana. O teste rápido identifica a resposta do sistema imunológico e serve para diagnosticar pacientes que já tiveram o novo coronavírus presente no organismo por mais de sete dias, inclusive os casos assintomáticos.

“Estou afirmando para a população que, nos próximos dias, nós teremos mais casos confirmados do novo coronavírus em Ponta Grossa, porque estamos fazendo mais testes. Quando mais testes são feitos, mais pacientes são diagnosticados com a COVID-19”, enfatiza.

“É muito difícil fazer uma projeção de quantos novos pacientes serão diagnosticados com a COVID-19, mas imaginamos que vamos ter de 19 a 20 casos. Esperamos que menos. O vírus está circulando por aí e vamos diagnosticar pacientes que não tiveram sintomas, mas estão transmitindo a doença”, prevê Rangel.

Ocupação de leitos de UTI

Entretanto, o prefeito se mostrou otimista e comentou que Ponta Grossa tem apenas 10% de ocupação dos leitos de UTI. Ele ressalta que ainda nesta segunda-feira (20), o Hospital Bom Jesus entra na retaguarda com mais 10 leitos de UTI.

 

Por DPonta News