No Paraná, 118.659 jovens de 15 (que completam 16 até 2 de outubro), 16 e 17 anos se alistaram para votar nas eleições deste ano. Houve um crescimento de 223,10% nas inscrições, em comparação com outubro de 2020, quando 36.725 pessoas nessa faixa etária puderam comparecer às urnas para votar.

Segundo projeção do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), existem cerca de 310 mil jovens entre 16 e 17 anos no Paraná, ou seja, cerca de 36,41% das pessoas com essa idade tiraram o primeiro título no estado.

São pessoas para quem o voto é facultativo, ou seja, que têm o direito de votar, mas não são obrigadas a comparecer às urnas.

Eleições anteriores

Em 2018, em junho, 99.066 jovens haviam tirado o título eleitoral (26.581 com 16 e 72.485 com 17 anos). Na Eleição Geral anterior, em 2014, em comparação com o mesmo mês, foram 108.421 (31.650 com 16 e 76.771 com 17 anos).

Os dados são da página de estatísticas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Campanhas

O crescimento é reflexo do sucesso de campanhas e ações da Justiça Eleitoral. Em março, durante a Semana do Jovem Eleitor, foram emitidos 5.163 novos títulos no Paraná de pessoas de 15 a 18 anos. Em todo o país, no mesmo período, foram 96.425.

TikTok

O principal canal de comunicação da Justiça Eleitoral do Paraná com os jovens é o TikTok. A conta, criada em outubro de 2020, soma mais de 2,1 milhões de curtidas e 73 mil seguidores.

O vídeo mais assistido tem 1,7 milhões de visualizações e aborda, com humor, o primeiro título. São mais de 194,2 mil curtidas , 890 comentários e 721 compartilhamentos no WhatsApp.

Justiça Eleitoral nas ruas

A Justiça Eleitoral também foi até os colégios para atender o público jovem. Em abril, a Escola Judiciária Eleitoral do Paraná (EJE-PR) promoveu o alistamento de mais de 100 estudantes em um único dia no Colégio Estadual do Paraná (CEP), em Curitiba.

Os cartórios eleitorais também se mobilizaram. Em São Mateus do Sul, a 140 km da capital, 700 estudantes compareceram na central de atendimento para tirar o título. Em Altônia, noroeste do estado, foram 409 alistamentos nessa faixa etária entre os dias 1° de abril e 4 de maio.

Cidadania Plena

Além de jovens, o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) reforça a importância da participação de pessoas com mais de 70 anos, para quem o voto também é facultativo. Por meio do programa Cidadania Plena, serão instaladas seções eleitorais dentro de hospitais e instituições de longa permanência de idosas e idosos de Curitiba, Londrina e Maringá.

do TRE-PR