A Prefeitura de Guarapuava, através da Secretaria de Educação e Cultura, está mapeando os espaços artísticos e culturais em atividade no município. O levantamento está relacionado ao cadastramento da classe artística local, que também está em andamento na cidade.

O objetivo dessas ações, conforme a secretária de Educação e Cultura, Doraci Senger Luy, é identificar e dar visibilidade a quem atua no setor cultural em Guarapuava, para instrução adequada dos critérios públicos de atendimento para aplicação da Lei nº14017/2020. Conhecida como Aldir Blanc, a lei contempla o segmento artístico com um auxílio em meio a pandemia.

“Por essa razão é extremamente importante que todos participem, prestando as informações a respeito dos espaços artísticos e de produção cultural em Guarapuava, de maneira que possamos atender com objetividade o setor artístico”, enfatizou Doraci.

O pré-cadastro de mapeamento encontra-se disponível no site da Prefeitura (clique aqui para acessar) e deverá ser preenchido pelos responsáveis por esses espaços de cultura,  tendo ou não inscrição no CNPJ, tais como: espaços artísticos e culturais, micro e pequenas empresas com atuação no setor cultural, cooperativas, instituições, organizações culturais, bibliotecas comunitárias, estúdios de fotografia, escolas/estúdios/academias de dança, companhias de teatro, escolas de música e demais representações do setor cultural situados em Guarapuava.

Informações e imagens: Prefeitura de Guarapuava