O diretor-geral brasileiro de Itaipu Binacional, Enio Verri, acompanhou nesta quinta-feira (10) o 3° Encontro com CEOs: Ambição pelos ODS para a Década de Ação, iniciativa do Pacto Global das Nações Unidas, em parceria com outras instituições. O objetivo foi fortalecer o engajamento da alta direção das empresas a metas ambiciosas, relacionadas aos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), e estimular a integração da sustentabilidade à estratégia do negócio.

O evento teve transmissão ao vivo no canal do Pacto Global no Brasil, no Youtube, que tem quase oito mil inscritos. O endereço do canal é https://www.youtube.com/@pactoglobalbr.

Enio Verri lembrou que Itaipu tem um compromisso histórico, desde a fundação da empresa, com a sustentabilidade e o cuidado com as pessoas. “Antes mesmo de começar esse debate sobre os ODS, ou o modelo de gestão chamado ESG (Environmental, Social and Governance), Itaipu desenvolvia ações de sustentabilidade, mostrando ser vanguarda nesta proteção”, observou.

A empresa integra o Pacto Global desde 2009 e atua em diversas frentes para promover a segurança hídrica e energética e o desenvolvimento sustentável na área de influência do reservatório, grande parte alinhada aos ODS e à Agenda 2030. Entre essas ações, estão a recuperação das nascentes e proteção das bacias hidrográficas, incentivo a modos de produção e consumo sustentáveis, iniciativas para reduzir a emissão de gases do efeito estufa na agropecuária e a promoção da equidade de gênero e o combate à violência infantil.

“Nosso desafio agora é socializar as nossas experiências e aprofundar os nossos compromissos. E essas experiências podem ser aproveitadas por outras empresas, por outras organizações. Ao mesmo tempo, ao participarmos do Pacto Global, podemos aprender com outras organizações práticas que ainda não tenhamos desenvolvido e melhorar o nosso processo de gestão”, declarou.

Pacto Global

O Pacto Global foi criado em 2000 pelo então secretário-geral das Nações Unidas, Kofi Annan, tornando-se a maior iniciativa de sustentabilidade corporativa do mundo. A ação também tem o objetivo de contribuir para os avanços dos ODS e da Agenda 2030 da ONU. Atualmente, a iniciativa tem mais de 22 mil participantes, entre empresas, organizações da sociedade civil, universidades e poder público de 162 países. O Brasil é a segunda maior rede local do mundo com 2 mil membros.

da Itaipu Binacional