“Essa artimanha do governo levantada pelo Deputado Soldado Fruet é muito preocupante. Uma verdadeira pedalada fiscal”, disse a deputada Mabel Canto durante sessão plenária.

Os deputados estaduais Mabel Canto (PSC) e Soldado Fruet (PROS) denunciaram durante a sessão desta terça-feira (13) na Assembleia Legislativa, a ocorrência de Pedaladas Fiscais na gestão do Instituto de Tecnologia do Paraná – TECPAR, empresa pública do Governo do Estado do Paraná. Na mesma oportunidade, ambos os deputados apresentaram convite ao Diretor-Presidente da TECPAR, Jorge Augusto Callado Afonso, para prestar esclarecimentos.

Segundo os deputados, tramita na ALEP, o PL n.º 130/2021 que propõe e aprova o aumento de capital do TECPAR em mais de R$ 52.101.596,00, utilizando recursos já repassados em 2019. Ocorre que de acordo com as mais recentes Demonstrações Contábeis, a empresa tem dado sucessivos prejuízos, tendo sua Receita Operacional Liquida caído bruscamente após 2018.

“Não consigo entender que o governo só tenha mandado um PL um ano e meio após já ter repassado recursos para integralizar o capital social do TECPAR.”, disse o deputado Fruet.

A deputada Mabel Canto acrescentou: “Tudo leva a crer que o remanejamento financeiro que pretende realizar o governo tem como único propósito cobrir pagamento de despesas administrativas e de pessoal da TECPAR. Encobertar a má gestão daquele instituto! Uma verdadeira pedalada fiscal.”

 

 

Assembleia legislativa.