Porém, ainda é possível que algumas sessões extraordinárias aconteçam, conforme explica o presidente da casa, Daniel Milla (PSD). “É para ser a última sessão, mas ainda acredito que pode ocorrer alguma sessão extraordinária. Embora, tudo dependa muito da solicitação do prefeito”, afirma.

Última sessão e despedida de nomes conhecidos

De acordo com a assessoria da Câmara, não haverá qualquer ação comemorativa ou que homenageie o fim do mandato 2017-2020. Porém, alguns vereadores se despedem da casa na próxima segunda-feira (14) e é possível que muitos deles usem a tribuna para um discurso de agradecimento ou despedida desta legislatura. Para a legislatura 2021-2024, a Câmara de Ponta Grossa terá 57% das cadeiras renovadas. Dos 19 vereadores eleitos no último dia 15 de novembro, 11 não participam da atual legislatura.

Na eleição deste ano alguns nomes não disputaram o pleito, como o vereador Pietro Arnaud (PSB), que disputou como candidato à vice-prefeito na chapa encabeçada por Mabel Canto (PSC), e o vereador Ricardo Zampieri (Republicanos), que colocou o nome à disposição como vice-prefeito ao lado do candidato Marcio Pauliki (Solidariedade). Além disso, os vereadores Eduardo Kalinoski (PSDB), Professora Rose (PSB) e Sebastião Mainardes Junior (DEM), que fazem parte da atual legislatura, não concorreram à reeleição. Eles se despedem da casa na sessão de segunda-feira (14).

Além destes, outros vereadores foram candidatos, porém não conseguiram a reeleição e deixam a casa na próxima semana. É o caso dos vereadores, Celso Cieslak (PRTB), Sargento Guiarone (PRTB), George Oliveira (PROS), Maurício Silva (PSDB), Dr. Magno (PDT), Vinícius Camargo (PSD), Rudolf Polaco (PSL), Jorge da Farmácia (Solidariedade), Florenal (PSD) e Mingo Menezes (DEM).

Confira como fica a Câmara Municipal para a legislatura (2021 – 2024):

Dr. Zeca (PSL) – 4.816 votos (REELEITO)

Geraldo Stocco (PSB) – 4.251 votos (REELEITO)

Joce Canto (PSC) – 3.394 votos

Soldado Pastor Ezequiel (AVANTE) – 3.259 votos (REELEITO)

Dr. Erick (PSDB) – 2.912 votos

Felipe Passos (PSDB) – 2.546 votos (REELEITO)

Paulo Balansin (PSD) – 2.299 votos (REELEITO)

Divo (PSD) – 2.150 votos (REELEITO)

Leandro Bianco (REPUBLICANOS) – 2.115 votos

Daniel Milla (PSD) – 2.087 votos (REELEITO)

Julio Kuller (MDB) – 1.869 votos

Ede Pimentel (PSB) – 1.862 votos

Izaias Salustiano (PSB) – 1.745 votos

Léo Farmacêutico (PV) – 1.533 votos

Filipe Chociai (PV) – 1.533 votos

Jairton da Farmacia (DEM) – 1.513 votos

Missionaria Adriana Jamier (SD) – 1.476 votos

Josi Mais Coletivo (PSOL) – 1.294 votos

Valtão (PRTB) – 1.043 votos (REELEITO)

Áreas com maior investimento para 2021

Com o orçamento de 2021 aprovado pela casa de leis, as áreas com maior investimento continuam sendo Saúde e Educação, respectivamente com R$ 221 milhões e R$ 269,5 milhões. Esses investimentos são garantidos pela Constituição Federal. Na sequência, aparece o setor de Administração com R$ 119 milhões. Na Assistência Social o valor previsto para investimento é de R$ 51 milhões e na Gestão Ambiental R$ 50 milhões. Lembrando que o orçamento da Prefeitura de Ponta Grossa para o próximo ano é de mais de R$ 1 bilhão.

Veja os valores de cada pasta ou função

Educação: R$269.504.610,90

Saúde: R$221.424.747,22

Administração: R$119.550.677,29

Encargos Especiais: R$105.506.250,91

Transporte: R$79.616.355,24

Assistência Social: R$51.281.148,52

Gestão Ambiental: R$50.088.694,00

Legislativa: R$27.808.254,30

Urbanismo: R$25.977.818,48

Segurança Pública: R$17.959.628,69

Cultura: R$10.351.760,02

Comércio e Serviços: R$10.171.719,62

Agricultura: R$8.175.046,26

Desporto e Lazer : R$6.874.941,43

Trabalho: R$6.615.374,49

Indústria: R$4.535.626,25

Comunicações: R$2.684.772,47

Reserva de Contingência: R$2.350.000,00

Saneamento: R$2.296.702,50

Habitação: R$1.949.644,75

Direitos da Cidadania: R$837.045,00

Energia: R$23.152,50

Ciência e Tecnologia: R$23.152,00

Foto: CMPG  informações