Condenado pelo estupro de uma criança, um médico de 62 anos foi preso na manhã desta quinta-feira (2) em um estacionamento do bairro Batel, em Curitiba. De acordo com a Polícia Civil, a condenação se tornou definitiva há cerca de um mês e, desde então, ele vinha se escondendo entre os diversos imóveis que possui em Curitiba e região metropolitana.

Segundo o delegado Rodrigo Brown, essa mudança constante de endereço deu trabalho à polícia para o cumprimento do mandado de prisão. “Sabendo que era procurado, esse médico passou a se esconder entre os diversos imóveis, fato que deu muito trabalho. Nesta quinta, porém, conseguimos descobrir que ele estaria no escritório deste estacionamento e realizar a prisão”, explicou.

O médico atua como nutrólogo e abusou de uma criança no ano de 2013, em Bocaiúva do Sul. Em 2017 o médico chegou a ser preso, porém recorreu da prisão e passou a responder em liberdade.

A condenação, com pena de 12 anos e oito meses em regime fechado, foi decretada há aproximadamente um mês.

Detido, ele foi encaminhado ao sistema penitenciário.

Imagens/informações: Banda B.