Desse total, 77 estão em Unidades de Pronta Atendimento (UPA) da capital, sendo que 35 pacientes aguardam por vagas de enfermaria e 22 esperam por um leito na UTI. Outros 51 pacientes estão em UPAs da região metropolitana. Destes, 28 precisam de leitos de enfermaria e 23 de leitos em UTI.

Outros oito pacientes aguardam em hospitais de Curitiba e região metropolitana, sendo que sete aguardam leito em UTI e um em enfermaria.

Com informações: Banda B  imagem